BEVAP recebe Moção de Congratulação da Câmara Municipal de João Pinheiro

Corroborando no desenvolvimento de João Pinheiro e cidades da região, a BEVAP conta com 1800 empregos diretos e mais de 10 mil indiretos

0

A Bioenergética Vale do Paracatu – BEVAP recebeu na noite desta segunda-feira (18) uma Moção de Congratulação da Câmara Municipal de João Pinheiro. Indicada pelo vereador Geraldo Ferreira Porto Neto, a moção homenageia os diretores e funcionários da empresa. Na justificativa da indicação, o vereador destaca o trabalho executado pela empresa, o qual, segundo ele, é de suma importância no progresso e desenvolvimento do Município de João Pinheiro.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

Detentora do título de usina com o maior índice de produtividade agrícola do Brasil, a BEVAP ganhou medalha de ouro como Campeã Brasileira de produtividade de Cana de Açúcar. A empresa, que começou produzindo cana de açúcar, se reinventou e hoje se tornou referência em Bioenergia para todo o Brasil.

Gabriel Sustaita – Diretor Presidente da BEVAP, Marcos Tadeu de Moraes – Diretor Financeiro, Edson Ribeiro dos Santos – Diretor Jurídico, Leandro de Menezes Martignon – Diretor Comercial, Gilmar Galon – Gerente de Divisão Industrial, Franklin Alberto A sanza – Gestor Executivo de Controle de Gestão, Fábio André Ramos – Gestor Executivo, Hermes Augusto Guimarães Arantes – Gerente de Divisão Agrícola, foram homenageados pela Câmara e receberam placas da moção de congratulação.

O diretor presidente da BEVAP, em depoimento na tribuna da Câmara de João Pinheiro, agradeceu a todos os envolvidos pela homenagem e se disse um pinheirense com orgulho de trabalhar em uma empresa que pode demonstrar tanto.

“Foi um projeto que nem os sócios acreditaram porque era uma loucura e, com o decorrer do tempo, poucas pessoas acreditaram, apoiaram porque era um bom negócio para região, mas muitos apostavam que a BEVAP iria dar errado. A Bevap hoje vai moer as famosas 3  milhões de toneladas de cana. Começamos a galgar o próximo caminho, que é atingir as 4,5 milhões de toneladas com inúmeros projetos do meio, como etanol de milho, biogás e assim por diante. Hoje a BEVAP é a maior geradora de emprego não só de João Pinheiro mas de todo Noroeste de Minas e com um diferencial: é a única usina que não demite ninguém entre às safras”, afirmou Gabriel Sustaita.

Detentora de vários projetos, a BEVAP está investindo em programas culturais gratuitos nas cidades de João Pinheiro e Brasilândia de Minas. Segundo Gabriel Sustaita, as pessoas ainda não estão tão envolvidas nos projetos. “Nós temos que nos preocupar com os jovens. É muito triste ver que nenhum dos nossos jovens falam em ficar na cidade. Temos um gigantesco desafio pela frente. A BEVAP vai dobrar a capacidade, em toneladas. Vamos ultrapassar 7 milhões de toneladas. Vai gerar muitos empregos, mas, lamentavelmente, temos que trazer pessoas de fora porque nós não conseguimos formar e desenvolver nossos jovens. Temos que focar na infância e na juventude.”, contou.

Com 1800 funcionários diretos e mais de 10 mil indiretos, a BEVAP busca colaborar no desenvolvimento e formação profissionais dos jovens nas cidades de João Pinheiro e Brasilândia. Outros projetos para aumentar renda per capita dos empresários pinheirenses estão sendo executados à ACE, entre eles, a capacitação e treinamento de fornecedores para a usina.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

Deixe um comentário

avatar