Curso superior do Instituto Federal do Norte de MG é lançado em João Pinheiro

Primeira turma de 50 alunos formará bacharéis em administração pública

----------------
----------------

Nesta sexta-feira (1º) aconteceu em João Pinheiro o lançamento de um polo educacional de ensino superior do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFN-MG) na cidade. O evento ocorreu na Câmara Municipal e reuniu autoridades, representante da instituição de ensino e os alunos que irão compor a primeira turma de administração pública, que iniciará os estudos em 2018.

A parceria da instituição de ensino com a prefeitura é fruto do programa do governo federal denominado Universidade Aberta do Brasil, que existe desde 2007 e busca contemplar o maior número de cidades possível, dando a oportunidade para que todos possam fazer um curso superior gratuito.

“Este é um curso à distância, porém, teremos um encontro presencial a cada mês, onde os alunos farão as avaliações. E também terá momentos também para eles estudarem, acompanharem as videoaulas. Enfim, o aluno terá o momento à distância e presencial”, explicou a coordenadora do curso do IFN-MG, Marlene Pacheco.

----------------
----------------

Para o ingresso dos 50 alunos da turma da primeira turma de administração pública de João Pinheiro não foi feito o vestibular convencional. Os alunos foram selecionados de acordo com sua nota no ensino médio. “Isso é positivo por incentivar os estudos e valorizar sua vida escolar desde o ensino médio”, disse.

O prefeito Edinho destacou a importância de ter pinheirenses qualificados em gestão pública, que poderão, no futuro, ajudar com seus conhecimentos a administrar os recursos públicos e a gerir os equipamentos municipais. Ele comentou, inclusive, que ao término do primeiro ano, alguns desses estudantes poderão ser incorporados à Prefeitura como estagiários, já agregando seus conhecimentos no dia a dia do município.

“A diferença é que essas pessoas vão ajudar a gerir com mais amor, pois eu posso trazer um especialista em tributação de São Paulo, mas ele não tem o mesmo amor que um filho de João Pinheiro tem pela sua terra, além do custo ser bem mais barato porque não tem deslocamento de família, mudança de escola do filho etc. Nós estamos qualificando pessoas e preparando nosso município para o futuro”, afirmou.

“Nós vemos o quanto isso vai ser positivo para João Pinheiro. Certamente no futuro a população e a cidade vão colher os frutos dessa parceria na cidade”, concordou o presidente da Câmara Detão.

----------------
----------------

Deixe uma resposta