Continua depois da publicidade

Enquanto várias prefeituras mineiras e o próprio governo do Estado sofre com a falta de recursos e atrasa o pagamento dos servidores, gerando insatisfação, protestos e até greve, o município de João Pinheiro vai na contramão e antecipa o pagamento do salário relativo ao mês de junho. O dinheiro caiu na conta dos funcionários públicos nesta quarta-feira (4).

Continua depois da publicidade

O governo de Minas Gerais foi um dos primeiros a atrasar o pagamento e tem parcelado a verba, gerando atrasos em cima de atrasos, afetando a vida dos trabalhadores públicos mineiros. Além disso, o Estado não tem repassado aos municípios diversos valores de impostos que são fundamentais para que as cidades possam pagar seus funcionários e investir em melhorias para a sua população.

Para se ter uma ideia, dados da Associação Mineira de Municípios (AMM) informa que até o dia 4 de julho, o Estado de Minas Gerais devia aos municípios R$ 4 bilhões apenas na área da saúde. Outros R$ 1.659 bilhão corresponde ao repasse do ICMS para a Educação, por meio do Fundeb. Outros 400 milhões de reais equivalem a uma estimativa de multas de trânsito. Há também outros 27 milhões de reais de IPVA para serem repassados à Educação, via Fundeb. E muitos outros milhões de reais que têm feito falta para as administrações municipais.

Sintoma disso é a cidade de Patos de Minas, que nesta quinta-feira (5) convocou a imprensa para explicar o atraso no pagamento dos servidores. Os vencimentos, que geralmente eram depositados no primeiro dia do mês, ainda não foram liberados. A culpa, na visão do prefeito José Eustáquio Rodrigues Alves, é do governo estadual, que, segundo ele, deve a Patos de Minas cerca de R$ 35 milhões. A expectativa é de que o pagamento seja realizado apenas no dia 12, na próxima quinta-feira.

Já a cidade de João Pinheiro tem se esforçado para evitar esse cenário. O pagamento estava sendo feito no quinto dia útil e neste mês foi antecipado para o dia 4, algo obtido não sem muito sacrifício e organização.

“Nós assumimos a prefeitura com uma dívida muito grande, daí veio a crise e vimos o ritmo que era a administração passada, pagando até dia 12. E como todo mundo sabe, não dá para fazer milagre, o dinheiro é pouco e nós começamos a administrar com muita cautela. E graças a Deus estamos conseguindo fazer os pagamentos na data. Essa semana conseguimos fazer o pagamento antes do 5º dia útil, estamos conseguindo chegar mais perto daquilo que é o desejado nosso, não no quinto dia útil, mas nosso sonho é pagar no dia 1º”, afirmou o prefeito Edinho.

Para que as contas sejam recolocadas em ordem e os servidores possam receber o salário de forma digna, a administração pinheirense realizou diversos cortes no que o prefeito chamou de “regalias”, focando o dinheiro em mãos para o que mais importa.

“Nós estamos fazendo economia daquilo que é desnecessário. Muita gente não entendeu no início de nosso governo os cortes que fizemos em regalias, nós não temos isso em nosso governo para poder investir nas coisas certas. Mesmo que com muita dificuldade, estamos investindo no necessário. Você vai no hospital e vê o tanto de remédio que tem lá e isso também com a ajuda do deputado Tenente Lúcio, que concedeu uma boa verba para o custeio da saúde, nós estamos fazendo cirurgias, oferecendo remédios e pagando a pasta da saúde com esses recursos. Isso nos ajudou a antecipar o salário pro dia 4”, explicou.

Continua depois da publicidade

4
Deixe um comentário

avatar
4 Comentar tópicos
0 Respostas do Tópico
0 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Tópico de comentário mais quente
4 Autores de comentários
VerdadesrevoltadoGuilhermePinheirense satisfeito Autores recentes de comentários
Novos Antigos Populares
revoltado
Visitante
revoltado

A cidade agradece, o comércio agradece que continue assim, voce falou em regalias, e a diaria de 900,00 que pega na prefeitura para viajar, todo dia que viaja, 900,00 reais é muito dinheiro para um dia só, continua?

Verdades
Visitante
Verdades

Bando de “baba ovo”. O prefeito não faz mais do que a obrigação pagar o salário até o 5 º dia útil

Pinheirense satisfeito
Visitante
Pinheirense satisfeito

Só de estar pagando esta ótimo, PARABÉNS PREFEITO.

Guilherme
Visitante
Guilherme

Parabéns Edinho ótima administração