Homem agride esposa, parte para cima de policial e acaba preso em Brasilândia de Minas

Foi necessário disparo de bala de borracha para conter o homem em fúria

2
1168

Um homem foi preso pela Polícia Militar, após agredir a esposa e partir para cima de um policial, em um bar localizado na Rua Luiza de Matos Silva, no bairro Porto, em Brasilândia de Minas, na noite do último domingo (11).

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

A ação policial ocorreu após a esposa do autor Maycon Pereira, ligar para polícia, relatando que foi agredida pelo companheiro no local chamado “Bar do Caju”, com chutes e socos, pelo simples fato dela estar bebendo no bar com amigos e ele não aceitar isso. Diante da denúncia, a equipe policial se deslocou até o local do ocorrido. 

Em registro de Boletim de Ocorrência (BO), a vítima disse que estava no bar, quando foi surpreendida pelo marido proferindo diversos xingamentos contra ela. Logo em seguida, o autor a agrediu com um soco no rosto e chutes na região do tórax e saiu do bar em seguida, levando o filho do casal.

A polícia localizou Maycon sentando em frente do local do ocorrido, foi dada ordem para que ele colocasse a mão na cabeça, para que fosse realizada uma busca pessoal, porém ele não obedeceu a ordem legal e partiu para cima de um policial, com a intenção de agredi-lo. 

Diante disso, foi necessário o uso de técnicas de defesa pessoal e imobilização para conter o autor que conseguiu se desvencilhar e partiu novamente em direção dos militares. Um integrante da equipe policial, efetuou um disparo de bala de borracha que atingiu a região da cintura do autor, para que fosse cessado as agressões. 

Após o disparo, o autor foi imobilizado e algemado, porém continuou se debatendo e desacatando as autoridades policiais, além de proferir xingamentos a imagem da vítima, na tentativa de justificar a agressão.

Maycon, a esposa e o policial agredido, foram levados ao Hospital Municipal de Brasilândia de Minas, onde foram atendidos pelo médico de plantão do local, sendo posteriormente liberados.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao autor, pelos crimes de lesão corporal, resistência, desacato e injúria contra a vítima, sendo conduzido a presença da autoridade policial.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comentar tópicos
0 Respostas do Tópico
0 Seguidoras
 
Comentário mais reagido
Tópico de comentário mais quente
2 Autores de comentários
🧠Xblau Autores de comentários
mais novos mais antigo mais votado
Xblau
Visitante
Xblau

èh uma ciumeira atrás da outraaaaaaaa

🧠
Visitante
🧠

E o safado do policial que espancou a mulher na outra publicação n aconteceu nd né ? Kkkkk