Polícia busca homem que deixou hematomas na cabeça de filho de 10 anos

Pesa também sobre o auxiliar de serviços gerais uma denúncia de injúria contra a enteada

0
4

A Polícia de João Pinheiro está à procura de um auxiliar de serviços gerais de 32 anos, morador do bairro Esplanada, que, por dois dias seguidos, agrediu o filho de 10 anos de idade, deixando diversos hematomas na cabeça da criança.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

Após uma denúncia, a Polícia se dirigiu à residência da criança e constatou as lesões, mas o suspeito conseguiu escapar. O menino foi então levado para o hospital municipal, onde recebeu atendimento, e depois foi ouvido pelo Conselho Tutelar e devolvido à mãe.

Em consulta, a Polícia verificou que já existe, contra o auxiliar de serviços gerais, a denúncia de injúria contra a irmã da vítima – que não é sua filha de sangue. O crime teria ocorrido no final de abril. As buscas seguem em andamento.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

Deixe um comentário

avatar