Bolsonaro é monitorado após secretário testar positivo para o coronavírus

Presidente foi orientado a procurar imediatamente algum hospital militar se sentir alguma coisa

0

O presidente Jair Bolsonaro e integrantes do governo que acompanharam sua viagem aos Estados Unidos nos últimos dias estão sob monitoramento após o secretário especial de Comunicação, Fábio Wajngarten, ter testado positivo para o novo coronavírus. As informações são do jornal “Folha de São Paulo”.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

De acordo com a publicação, o presidente foi orientado que, se perceber qualquer sintoma, deve comunicar imediatamente a situação e procurar um hospital militar em Brasília.

Por conta da situação, Bolsonaro cancelou sua viagem a Mossoró, no Rio Grande do Norte.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

Deixe um comentário

avatar