17.5 C
João Pinheiro
17.5 C
João Pinheiro

Marginal invade residência e rouba idosos na noite de ontem, em Brasilândia de Minas

A senhora de 73 anos se deparou com o autor na cozinha armado com uma faca

Mais acessadas

Empresa é condenada por juízo de João Pinheiro a pagar mais de R$ 400 mil de indenização por danos morais

A JR Transportes e Comércio Ltda. e o motorista que conduzia um caminhão da empresa terão que reparar mãe...

Vereador é denunciado mais uma vez pela ex-esposa pinheirense; desta vez, por furto e ameaça

A ex-companheira do vereador Gilsomar do Projeto registrou na tarde da última segunda-feira mais uma ocorrência contra ele, dessa...

Denúncia anônima leva a prisão de dois suspeitos de tráfico em Luizlândia do Oeste (JK)

A Polícia Militar de João Pinheiro prendeu dois jovens suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas na tarde...

Uma senhora de 73 anos de idade compareceu ao quartel da Polícia Militar de Brasilândia de Minas para informar que um homem havia invadido sua residência e a assaltado por volta das 00:00h de ontem (28). Ela contou que ouviu barulhos na cozinha e levantou para ver do que se tratava, quando se deparou com o assaltante armado com uma faca. Ele a rendeu, roubou seu celular, a fez ir nos demais cômodos, rendeu mais um idoso de 67 anos morador da casa e outra vítima de 54 anos de idade, e levou diversos pertences. Clênio Bispo de Sena, 36 anos, foi reconhecido e preso.

A senhora contou que ouviu barulhos e foi até a cozinha, onde encontrou Clênio armado com uma faca que estava guardada no armário. Assim que ele a viu, ordenou que entregasse o celular e, em seguida, partiu para os demais cômodos da casa, onde abordou mais dois moradores, um de 67 e outro de 54 anos de idade, mandando que entregassem tudo de valor.

Os militares logo suspeitaram de que Clênio seria o autor porque batia com a descrição apontada pela vítima. Eles partiram, então, em diligência para tentar encontrá-lo, logrando êxito na Rua Onofre Nogueira. Clênio estava com as mesmas roupas que usava quando invadiu praticou o roubo, foi reconhecido pelas vítimas e preso em flagrante.

Duas televisões e três celulares foram roubados no total.

Suspeita de furto à residência

Em data anterior, uma outra residência foi invadida e vários pertences foram furtados. Na ocasião, o autor se machucou nos cacos de vidro colocados no muro pelos moradores.

Como Clênio é conhecido no meio policial pela prática de crimes contra o patrimônio, os militares desconfiaram que ele também pode ser o autor desse furto porque apresentava lesões na sobrancelha esquerda e cotovelo esquerdo.

Agora, o caso será investigado pela Polícia Civil.

2 COMENTÁRIOS

guest
2 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Osmar Portor
Osmar Portor
14 dias atrás

Será que é o Grampao

Tatiele
Tatiele
14 dias atrás

O Granpao tem quadrilha em jp e região vamos, vigiar ele

Últimas notícias

Mais 25 possíveis casos de Covid-19 são descartados em João Pinheiro

A Secretaria de Saúde de João Pinheiro acaba de divulgar o boletim epidemiológico do Covid-19 atualizado. O número de...

Detran-MG anuncia que proprietários de veículos já podem imprimir CRLV 2020 em casa

A partir de agora, os proprietários de veículos registrados em Minas Gerais poderão  imprimir Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) em casa...

Denúncia anônima leva a prisão de dois suspeitos de tráfico em Luizlândia do Oeste (JK)

A Polícia Militar de João Pinheiro prendeu dois jovens suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas na tarde de ontem, em Luizlândia do...

Empresa é condenada por juízo de João Pinheiro a pagar mais de R$ 400 mil de indenização por danos morais

A JR Transportes e Comércio Ltda. e o motorista que conduzia um caminhão da empresa terão que reparar mãe e filha em mais de...

Vereador é denunciado mais uma vez pela ex-esposa pinheirense; desta vez, por furto e ameaça

A ex-companheira do vereador Gilsomar do Projeto registrou na tarde da última segunda-feira mais uma ocorrência contra ele, dessa vez por ameaça. A vítima...

Artigos relacionados