Sobe para 44 o número de mortos em decorrência das chuvas em Minas Gerais

O primeiro decreto oficial do Estado a respeito da situação de emergência contemplou 47 cidades mineiras arrasadas pela chuva e chegou a público no domingo

0

Cento e uma cidades de Minas Gerais já decretaram situação de emergência em função das fortes chuvas que as atingiram nos últimos dias, de acordo com a Defesa Civil Estadual. Ao todo, são 44 pessoas mortas em 14 municípios e ainda outras 19 que permanecem desaparecidas, segundo último boletim do órgão, publicado nesse domingo (26).

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios

O primeiro decreto oficial do governo a respeito da situação de emergência contemplou 47 cidades mineiras arrasadas pelas chuvas e havia chegado a público também no domingo.

Algumas horas depois, o número de municípios fortemente afetados subiu para 99 e chegou, na manhã desta segunda-feira (27), a 101. A expectativa é que um novo decreto estadual que possa contemplar essas cidades seja publicado ainda no período da manhã.

O decreto é válido por 180 dias e, de acordo com o governador Romeu Zema (Novo), apontar situação de emergência facilita as ‘ações de resposta e reabilitação do cenário’. Não apenas, Minas Gerais vive luto oficial de três dias por causa das tragédias causadas nesses poucos dias de chuva.

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios
FONTEO Tempo

Deixe um comentário

avatar