24.4 C
João Pinheiro
24.4 C
João Pinheiro

Visitas prolongadas com até 3 horas de duração é autorizada no Presídio de João Pinheiro

Mais acessadas

Funcionário morre após braço ser dilacerado por máquina para preparar cachaça

Um funcionário de um alambique artesanal de cachaça morreu na manhã desta terça-feira (20) com parada cardiorrespiratória e hemorragia...

Mulher é baleada por engano em tentativa de homicídio em Brasilândia de Minas

Um homem e uma mulher que estavam no bar "Chora Boy" na região do Morcego, em Brasilândia de Minas...

SINE de João Pinheiro tem 51 vagas de emprego urgentes; salários chegam a R$2.500,00

O SINE de João Pinheiro divulgou nesta segunda-feira (19), 51 vagas de emprego abertas com salários que podem chegar...

A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), por meio do Departamento Penitenciário de Minas Gerais (Depen-MG), expandiu o número de unidades prisionais aptas a realizar visitas presenciais de três horas. Com o incremento de 83 novos estabelecimentos penais na chamada onda verde, mais de 60% dos presídios e penitenciárias do Estado já estão autorizados a receber visitas familiares com horários estendidos.

A decisão foi tomada seguindo os protocolos do Plano Estadual Minas Consciente, que setoriza as macrorregiões do Estado em ondas (verde, amarela e vermelha), indicando a situação da Covid-19 em cada uma delas. Na última semana, apenas 36 estabelecimentos tinham a permissão para realizar visitas com horários ampliados. A última atualização, feita nesta quinta-feira (15/10), aumentou esse número para 119 unidades prisionais. Confira aqui a lista de unidades que estão na onda verde e aqui as que estão na onda amarela.

Funcionamento

Presídios e penitenciárias pertencentes às macrorregiões da onda verde podem realizar visitas nos pátios da unidade e com horário estendido. Alguns cuidados devem ser tomados, como utilização de máscaras, medição da temperatura e impedimento da visita em caso de sintomas gripais. O visitante também deve residir em uma cidade da macrorregião de onda verde para poder visitar os presos. Só é permitido um visitante, e o intervalo entre uma visita e outra é de 30 dias.

As visitas presenciais previstas neste momento de retomada gradual, ainda na pandemia, estão sendo complementadas por visitas virtuais – experiência bem sucedida nos últimos meses e que já soma mais de 45 mil videoconferências em todo o Estado.

As tratativas para se colocar em prática o planejamento da retomada das visitas acontecem há mais de um mês, com reuniões integradas entre representantes da Sejusp, Tribunal de Justiça, Ministério Público, Defensoria, OAB e Departamento Penitenciário de Minas Gerais. Cada detalhe foi analisado para garantir a saúde e a segurança de familiares e presos no atual cenário da pandemia. O objetivo é retomar os laços familiares, imprescindíveis para o processo de ressocialização dos custodiados, com cuidados redobrados para todos os envolvidos: servidores, internos e familiares.

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Últimas notícias

Homem tenta atear fogo no próprio veículo após abordagem da PRF em Paracatu

A Polícia Rodoviária Federal abordou um motorista que havia cometido diversas infrações de trânsito no perímetro urbano de Paracatu,...

Covid-19: boletim epidemiológico estadual confirma mais quatro mortes pela doença em João Pinheiro

Quatro das cinco mortes que estavam sob investigação em João Pinheiro – MG foram ocasionadas por complicações da Covid-19. A informação foi confirmada pelo...

Conheça o talento do pinheirense de apenas 8 anos que surpreende tocando sanfona por onde passa

A cidade de João Pinheiro – MG, de fato, é abençoada por diversos talentos quando o assunto é música e, na maioria das vezes,...

Mais três pacientes testam positivo para o Covid-19 em João Pinheiro, mas número de infectados se mantém inalterado

A Secretaria de Saúde de João Pinheiro acaba de divulgar o boletim epidemiológico da Covid-19 em João Pinheiro - MG. O número de pacientes...

Funcionário morre após braço ser dilacerado por máquina para preparar cachaça

Um funcionário de um alambique artesanal de cachaça morreu na manhã desta terça-feira (20) com parada cardiorrespiratória e hemorragia após seu braço engolido e...

Artigos relacionados